O Governo Federal já tem agendados os leilões da rodovia BR-163. Em Mato Grosso (MT), o leilão está marcado para o dia 27 de dezembro e a parte da rodovia em Mato Grosso do Sul (MS) será 10 dias antes. No total, serão comercializados 847,2 quilômetros da estrada.

A extensão da rodovia a ser concedida à iniciativa privada em MT começa na divisa entre MT e MS, (próximo a Ouro Branco) e termina no Km 855, no entroncamento com a MT-220 (pouco depois de Sinop), em Mato Grosso.

Nove, dos 19 municípios que estão diretamente ligados à rodovia nos trechos, podem receber as praças. Sendo eles Itiquira, Rondonópolis, Santo Antônio de Leverger, Cuiabá, Jangada, Diamantino, Nova Mutum, Lucas do Rio Verde e Sorriso. Os pedágios devem começar a serem cobrados quando cerca de 10% das obras estiverem concluídas e o valor para carros de passeio deve variar entre R$ 2,4 e R$ 3,4, dependendo do trecho.

Leia também:  Em reunião, famílias são escolhidas para o residencial Dona Neuma em Rondonópolis

O prazo para explorar a concessão dos 847,2 Km será por 30 anos, com possibilidade de prorrogação pelo mesmo período

OPINIÃO NAS RUAS

A reportagem do Site AGORA MT colheu alguns depoimentos nas ruas e postos de combustíveis de Rondonópolis. Existem pessoas que são a favor, mas a maioria se posicionou contra a privatização.

foto 1foto 2

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.