Dados do Instituto Nacional de Pesquisa Espaciais (Inpe) apontam que o desmatamento na Amazônia subiu 28%, sendo o Estado de Mato Grosso esta entre os principais responsáveis. As informações foram obtidas pelo Projeto de Monitoramento da Floresta Amazônica por Satélites (Prodes).

Entre os meses de agosto de 2012 a julho de 2013 o Prodes aponta que foi desmatada uma área de 5.843 quilômetros quadrados da Amazônia, onde o Pará foi responsável pelo desmatamento de com 2.379 quilômetros quadrados, e Mato Grosso, com 1.149 quilômetros quadrados.

O PRODES computa como desmatamento as áreas maiores que 6,25 hectares onde ocorreu remoção completa da cobertura florestal – o corte raso. A taxa estimada em 2013 indica um aumento de 28% em relação ao período anterior, em que foram medidos 4.571 km².

Leia também:  MPE promoverá painel sobre Conversão Agroecológica e Produção Sustentável de Grãos na APA das Nascentes do Rio Paraguai

A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, declarou que participará de uma reunião com todos os secretários estaduais de meio ambiente da Região Amazônica, onde cobrará explicações sobre os desmatamentos em cada estado.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.