Cesar Cielo é um homem com sede de vitórias. Nem as medalhas olímpicas, nem mesmo o inédito tricampeonato nos 50m livre conquistado no Mundial de Barcelona fazem com que o nadador perca o seu foco que é sempre continuar vencendo. Apesar de todos esses feitos recentes, Cielo tem uma meta ousada para o fim deste ano: ter a nova melhor marca do mundo nesta prova.

O atleta terá a oportunidade de nadar a prova no Campeonato Brasileiro e no Torneio Open, entre os dias de 18 e 21 de dezembro, em Porto Alegre.

– Não estou colocando nenhuma limitação em não nadar mais rápido que no Mundial. A gente tem treinado melhor do que antes do Mundial. Estou me sentindo fisicamente melhor. Quase um ano e três meses que eu operei. Meu joelho direito está quase 100%, doendo muito pouco. Hoje não tenho nada que me segure. Principalmente no meu início de prova. É na saída e na ondulação que posso ganhar em relação ao Mundial, nos primeiros 20 metros – avaliou Cielo.

Leia também:  Torneios esportivos devem movimentar o fim de semana em Rondonópolis

A gana de melhorar seu tempo mostra a força de vontade em superar recordes. E neste caso Cielo duela com ele mesmo. A primeira colocação do ranking da temporada já é de Cielo, que conquistou a medalha de ouro na Espanha com o tempo de 20s32 na final.

– No geral, fiz uma temporada muito mais forte do que no Mundial. Estou bem melhor, no geral. Se tivesse chegado lá com esse treinamento de hoje, estaria muito mais confiante do que estava. Naquela época era muito aquela coisa de estar doendo, de não ter conseguido treinar ainda – finalizou.

A confiança de Cielo é embasada em seu momento recente. Ele conquistou as 50 jardas livre do Grand Prix de Minneapolis, nos Estados Unidos, com o tempo de 18s83, dominando a prova do início ao fim. Antes, Cielo já havia sido o primeiro nas 100 jardas borboleta.

Leia também:  Cuiabá e Luverdense empatam no 1° jogo da final do sub-17 e decisão acontece na quinta
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.