Segundo dados do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) o preço da cesta básica subiu em 15 de 18 capitais pesquisadas em novembro.

Segundo dados da Pesquisa Nacional da Cesta Básica, as maiores elevações ocorreram em Fortaleza (3,47%), Florianópolis e Belo Horizontes (ambas com alta de 2,67%), e Vitória (2,43%). A redução ocorreu em Goiânia (3,06%), Aracaju (1,73) e em Recife (0,69%).

Pelo segundo mês consecutivo, Porto Alegre foi a capital com a cesta mais cara, no valor de R$ 328,72.

A segunda cesta de maior valor foi verificada em São Paulo (R$ 325,56), seguida de Vitória (R$ 321,41) e Rio de Janeiro (R$ 316,88).

Os menores valores médios foram observados em Aracaju (R$ 218,71), Goiânia (R$ 254,44) e João Pessoa (R$ 257,16).

Leia também:  MT registra redução de 12,77% no número de animais abatidos

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.