Interlagos não será mais palco do encerramento da próxima temporada da Fórmula 1. A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) definiu a versão final do calendário de 2014, após uma reunião do Conselho Mundial do Esporte a Motor, nesta quarta-feira em Paris (França). O GP do Brasil aparece como penúltima etapa do ano, no dia 09/11, passando a etapa derradeira a ser realizada duas semanas depois em Abu Dhabi, como aconteceu nos anos de 2008 e 2009. Na versão provisória divulgada anteriormente, o circuito paulista fechava o campeonato no dia 30/11. Interlagos sediou a última etapa da F-1 sete vezes na história: 2004, 2006, 2007, 2008, 2011, 2012 e 2013. O GP da Austrália segue abrindo a temporada, no dia 16 de março.

Leia também:  Holloway vence a luta contra José Aldo

Como já era esperado, os GPs da Coreia do Sul (Yeongam), das Américas (Nova Jersey) e do México, que apareciam no calendário provisório para 2014, foram retirados da versão final. Com isso, a temporada que marcaria o recorde de 22 etapas, terá apenas 19.

A corrida coreana deixa o calendário após quatro anos em razão de problemas financeiros e não tem previsão de volta. O GP do México no circuito Hermanos Rodríguez, que estava previsto para retornar em 2014, não é descartado para 2015, assim como a prova nas ruas de Nova Jersey, sonho que o chefão da categoria, Bernie Ecclesonte, tenta há anos introduzir na F-1.

A estreia do GP da Rússia está confirmada para o dia 12/10. Está certo também o retorno do GP da Áustria, no dia 22/06. Como a versão provisória já havia adiantado, o GP da Índia, palco do tetracampeonato de Sebastian Vettel em 2013, não está presente na temporada de 2014.

Leia também:  União empata com o Luziânia

Após dois anos, a Europa, berço da F-1, volta a ter mais etapas que a Ásia. Serão oito provas no velho continente, contra seis na região vizinha. Em 2013, pela primeira vez na história, houve mais corridas em terras asiáticas que europeias (8 a 7). Um ano antes, foram oito GPs em cada continente.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.