O Índice de Inadimplência no Brasil atingiu a marca de 2,61% em novembro – 9,3% inferior ao mês de outubro -, segundo a Pesquisa Nacional sobre Liquidação de Cheques realizada pela TeleCheque. O principal motivo continua sendo a falta de fundos (75%) e os cheques sustados (10%). Com exceção do Nordeste, que cresceu 3% nesse indicador na comparação com o período anterior, todas as outras regiões do País sofreram queda no índice de inadimplência. Destaque para o Norte que reduziu em 24% o índice, passando 4,23% para 3,19%.

Neste mês o valor médio por transação dos cheques no País foi de R$ 818,42, 18,45% superior ao mesmo período de 2012. “Os consumidores estão mais aquecidos ao consumo este ano. Há expectativas para dezembro, com o aquecimento natural do varejo devido às compras de final de ano”, comenta Walter Alfieri, diretor de Crédito e Risco da TeleCheque.

Leia também:  Com 882,8 mil toneladas processadas, esmagamento de soja apresenta maior patamar mensal em abril

Índices de inadimplência e ticket médio por região

A inadimplência no Sul caiu 14,5% em comparação ao mês anterior. O ticket médio teve um pequeno aumento, passando de R$ 502,93 para R$ 520,86.

O Sudeste do País registrou ticket médio de R$ 722,88 e uma redução de 10% com relação aos índices de inadimplência na comparação com outubro deste ano.

Com um ticket médio de R$ 1.381,33, a região do Centro-Oeste registrou um índice de inadimplência de 2,85% neste mês – redução de 8% comparada com o mês anterior.

Considerada a região com o índice mais elevado, a região Norte registrou em novembro queda de 24% de inadimplentes, passando de 4,23% para 3,19%. O ticket médio foi de R$ 2.174,02.

Leia também:  Alto Araguaia | Exportação cai 11% no mês de julho

No Nordeste o índice atingiu a marca de 3,78%, sendo 3% superior em comparação ao mês anterior e acumulou aumento de 9% em relação ao ticket médio – passando de R$ 1.195,86 para R$ 1.312,41.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.