Kity Michael Pereira Alves - Foto: AGORA MT
Kity Michael Pereira Alves – Foto: AGORA MT

Kity Michael Pereira Alves, 15 anos, morreu no início da noite deste sábado (07) de frente a um mercado no bairro Parque das Rosas, em Rondonópolis. O menor era ameaçado por um reeducando do Presídio Major Eldo Sá Correia, Mata Grande.

De acordo com o padrasto do menor, Carlos Bento Amorim, o rapaz já tinha passagem pela polícia e era ameaçado de dentro da Mata Grande por um comparsa conhecido com Pedrinho, que saiu da unidade prisional há três dias.

Amorim relata que há algum tempo Michael tem dado problema para família e que o comparsa o forçava a participar de alguns roubos, além do terrorismo que causava ao menor por meio das ameaças de dentro da Mata Grande. A família teme que seja novo objeto das ameaças de Pedrinho.

Leia também:  Mulher é presa ao tentar entrar com droga na Mata Grande

Segundo populares, o comparsa do menor também estava de frente ao mercado e tudo indica que iriam cometer novo assalto. Pedrinho esta armado e fugiu do local, neste momento o Comando de Ação Rápida (CAR) e uma guarnição da Polícia Militar fazem rondas na região.

A origem e quantidade de tiros que provocaram a morte de Kity ainda não foram esclarecidos.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.