Os municípios de Cuiabá e Cáceres foram premiados pelo Ministério do Turismo (MTur), como as cidades brasileiras que mais evoluíram em competitividade, de acordo com a 5ª edição do Índice de Competitividade do Turismo Nacional. A ferramenta foi desenvolvida pelo Ministério do Turismo, Sebrae e Fundação Getúlio Vargas para mensurar o nível de desenvolvimento do turismo nacional. Além dos dois municípios mato-grossenses, mais 16 destinos monitorados foram premiadas pelo MTur.

O secretário de Estado de Desenvolvimento do Turismo (Sedtur), Jairo Pradela, que participou da entrega do prêmio em Brasília, explica que o índice mede a competitividade de 65 destinos considerados indutores do desenvolvimento turístico do país. “A avaliação tem como meta elevar o turismo à condição de atividade econômica essencial ao desenvolvimento do país. Em Mato Grosso, o Governo do Estado vem atuando para melhorar a infraestrutura turística e transformar o setor em uma das vertentes da economia local ao lado do agronegócio”, disse o secretário.

Leia também:  Em 45 dias foi apreendida cerca de 1 tonelada de pescado irregular

O MTur avaliou o desempenho de 13 itens nas cidades premiadas como a infraestrutura geral, qualidade de acesso, serviços e equipamentos turísticos, atrativos, marketing e a promoção do turismo, políticas públicas, cooperação regional, monitoramento, economia local, capacidade empresarial, aspectos sociais, ambientais e culturais.

A capital de Mato Grosso se destacou no item capacidade empresarial. Cuiabá foi um das capitais que mais evoluíram neste segmento. Em 2011, quando foi avaliado o índice de competitividade, Cuiabá recebeu nota 7,5. Já este ano, a sede da Copa de 2014 teve um desempenho de 88,3. Já Cáceres, que ao lado de Cuiabá é um dos 65 municípios indutores do turismo brasileiro, se destacou na cooperação regional e levou nota 54,1. Um número expressivo, levando-se em consideração a avaliação de dois anos atrás que foi de 12,2.

Leia também:  MT é o Estado do Centro-Oeste com mais rodovias consideradas ótimas; diz CNT

O secretário de Turismo de Cáceres, Júlio Barreiro, destaca a importância do prêmio e disse que ele é fruto de um trabalho que o município vem fazendo para fomentar e desenvolver o turismo em todo o Estado. “A cooperação regional significa na prática a execução do projeto estratégico que estamos desenvolvendo em parceira com a Sedtur para fomentar e promover a integração turística dentro de Mato Grosso. Isso ocorre com a realização de várias ações, entre elas a oficina turística”, detalha o secretário que foi acompanhado na premiação da presidente do Grupo Gestor, Rosangela Lasarin e do prefeito de Cáceres, Francis Mari, que recebeu o prêmio em nome do município.

O secretário de Turismo de Cuiabá, Marcos Fabrício, participou da solenidade e recebeu o prêmio em nome do prefeito Mauro Mendes.

Leia também:  MPE entra com ação pedindo a demolição de muros e guarita em 4 ruas do Jardim Itália

“O índice nos permite avaliar o estágio real de desenvolvimento do turismo em cada município ou destino, entender onde as políticas de incentivo funcionaram e onde elas precisam ser repensadas. Serve para orientar a gestão pública tanto em nível local como federal”, diz o ministro do Turismo, Gastão Vieira.

Outros destinos premiados pelo Ministério do Turismo foram: Vitória (ES), Porto Velho (RO), Florianópolis (SC), Campo Grande (MS), Goiânia (GO), Rio Branco (AC), Maceió (AL), Aracaju (SE), Porto Alegre (RS), Corumbá (MS), Lençóis (BA), Mata de São João (BA), Ilhabela (SP), Pirenópolis (GO), Tiradentes (MG), Ipojuca (PE).

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.