O heptacampeão mundial de Fórmula 1, Michael Schumacher, se disse “chocado” com o domínio exercido por Sebastian Vettel na temporada 2013. Para o ex-piloto alemão, o desempenho do compatriota na disputa interna da Red Bull contra Mark Webber foi arrasador.

“Olhe para seu companheiro de equipe, é o ponto de referência que você tem que tomar. Ele ganhou 13 corridas este ano, e o Mark nenhuma. Isso é muito chocante. Estou feliz por não ser companheiro de equipe dele”, brincou Schumacher.

O ex-piloto disse ainda que Vettel demonstrou performances “muito consistentes” ao longo do ano em que garantiu o tetracampeonato mundial com direito a igualar o recorde de Schumacher com 13 vitórias em uma mesma temporada.

Leia também:  Atletas de Rondonópolis se destacam em competição nacional

“Estou realmente feliz por ele. Se alguém pode quebrar todos esses recordes, eu prefiro que seja ele do que outra pessoa”, disse o heptacampeão.

Schumacher também exaltou o vice-campeonato de construtores conquistado pela equipe Mercedes nesta temporada, após superar na reta final a Ferrari de Fernando Alonso e Felipe Massa. O ex-piloto alemão disse que a equipe, pela qual correu entre 2010 e 2012, teve um “grande progresso” este ano.

“É um grande resultado, especialmente se você considerar de onde viemos no fim do ano passado”, quando a equipe acabou na quinta colocação no Mundial de Construtores. “Tiveram um grande começo de ano e foram até capazes de ficar na disputa pelo título em boa parte do ano até que tiveram que parar e se concentrar em 2014”, disse o ex-piloto.

Leia também:  Mixto, Dom Bosco e Cacerense viram adversários diretos do União na Copa Federação

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.