Funcionários do extinto jornal “News of the World”, do magnata Rupert Murdoch, grampearam o telefone de Kate Middleton, mulher do Príncipe William, disse um promotor durante julgamento nesta quinta-feira (19) no Reino Unido.

O promotor Andrew Edis disse à corte que uma mensagem de William deixada no telefone celular de Kate foi encontrada na casa do ex-editor do jornal responsável pela cobertura jornalística da família real, em 2006, na época em que os dois namoravam.

Os ex-editores do tabloide Rebekah Brooks e Andy Coulson estão sendo julgados com outras cinco pessoas sob diversas acusações, incluindo a de conspiração para interceptar ilegalmente as caixas de mensagens de celulares. Os acusados negam todas as acusações.

Leia também:  Massacre em presídio da Venezuela deixa 37 detentos mortos
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.