O Brasil tem o quinto Big Mac – famoso lanche da rede Mc Donald´s – mais caro do mundo, custando US$ 5,25 (ou R$ 12,47, de acordo com a cotação do Banco Central do último 23 de janeiro). A informação é do Índice Big Mac, apurado semestralmente pela revista britânica The Economist.

O levantamento revelou que o preço do lanche brasileiro sugere que o real está sobrevalorizado em 13,5%, ante US$ 4,62 dos Estados Unidos. O País só fica atrás da Noruega, Venezuela, Suíça e Suécia, respectivamente na 1ª, 2ª, 3ª e 4ª posição.

Em julho de 2013, última publicação do índice, o Brasil também estava na quinta posição, mas a valorização do real frente à moeda norte-americana era ainda maior, de 16%.

Leia também:  MEC libera mais recursos para universidades federais

Na contramão, os países com o lanche mais barato dentre os 48 pesquisados são a Índia (US$ 1,54), África do Sul (US$ 2,16), Malásia (US$ 2,23), Ucrânia (US$ 2,27) e Indonésia (US$ 2,30). Confira abaixo os 10 países com o Big Mac mais caro:

Posição Janeiro de 2014
País Índice Big Mac
Fonte: The Economist* Média ponderada dos países membros
1ª posição Noruega US$ 7,80
2ª posição Venezuela US$ 7,15
3ª posição Suíça US$ 7,14
4ª posição Suécia US$ 6,29
5ª posição Brasil US$ 5,25
6ª posição Dinamarca US$ 5,18
7ª posição Israel US$ 5,02
8ª posição Canadá US$ 5,01
9ª posição Zona do Euro* US$ 4,96
10ª posição Uruguai US$ 4,91

Leia também:  Com confrontos diários ministro da Defesa libera 700 homens para policiamento na Rocinha
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.