O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) revisou os números da safra 2013/2013 em Mato Grosso e apontou recuo de 7 mil hectares na área para intenção de plantio, consolidada em 3,24 milhões de hectares, cerca de 461 mil a menos. No boletim divulgado nesta segunda-feira (27), destacou que ter sido constatado “a redução na participação média do grão a área de soja para 39,1%, contra a marca recorde de 46,7% na safra 2012/13”.

Segundo o instituto, “a produtividade média estadual foi mantida a mesma do último levantamento em 87,6 sacas/hectare. Assim, a produção foi reduzida para 17,04 milhões de toneladas. Apesar dos novos números, ainda é preciso aguardar a conclusão das atividades no campo, que apresenta ritmo ainda modesto”, apontou o instituto.

Leia também:  Veículos com mais de 18 anos serão isentos de IPVA a partir de 2018

De acordo com o Imea, já foram semeados apenas 3,8% da área prevista no Estado, com avanço semanal de 2,9 ponto percentuais (p.p). “Os produtores devem ficar atentos, caso ocorram boas condições climáticas nas próximas semanas, para avançarem com a colheita de soja e, consequentemente, com a semeadura do milho, evitando prejuízos e possíveis perdas futuras”.

Mercado- No mercado interno mato-grossense a alta no valor da saca chegou a 8,6%, fechando a semana passada em R$ 15,08. “Muitas tradings afirmam estar fora do mercado, sem indicativo de preço para exportação, apresentando cotações apenas para a negociação no mercado interno”, destacou o Imea.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.