O site da Delegacia Virtual passa a registrar boletim de ocorrência em três idiomas: português, inglês e espanhol. O registro nas duas novas línguas começa a funcionar a partir desta quarta-feira (01), quando as versões entram no ar.

A implantação dos idiomas é uma das medidas adotadas pela Polícia Judiciária Civil para atender turistas no Estado de Mato Grosso, principalmente, durante os jogos que Cuiabá sediará na Copa do Mundo 2014.

A nova funcionalidade do site irá facilitar a comunicação do turista estrangeiro, caso venha a sofrer pequenos delitos ou perder documentos. A versão nos dois novos idiomas foi adaptada ao contexto da Segurança Pública.

Quando a vítima acessar a página principal www.delegaciavirtual.mt.gov.br poderá escolher um dos três idiomas disponíveis: português, inglês ou espanhol, através da bandeira do país no canto direito. Os campos de identificação e preenchimento aparecerão de acordo com a escolha feita na primeira página. Na opção “Serviços ao Cidadão” e no campo “Registro de Ocorrência” a tela traz explicações no idioma escolhido, sobre o que é considerado “extravio”, “furto” e “roubo” para que o registro seja confeccionado na modalidade correta.

Leia também:  Polícia esclarece latrocínio de dentista com identificação de 3 envolvidos entre eles um menor

O roubo por ser caracterizado pela violência física ou grave ameaça à vítima não é possível registrar pela internet, pois há necessidade de encaminhamentos de perícias e outras providências. Neste caso, o turista deve procurar uma delegacia mais próxima para fazer o registro.

O delegado geral da Polícia Civil, Anderson Aparecido dos Anjos Garcia, explica que o sistema está preparado para receber informações do cidadão estrangeiro, que poderá fazer o registro sem precisar comparecer pessoalmente a uma delegacia de polícia.

“O turista poderá acessar de qualquer lugar a Delegacia Virtual e registrar sua ocorrência com facilidade. Em seguida a Polícia Civil irá verificar as informações que serão validadas pelo técnico responsável pela triagem e análise da ocorrência, que encaminhará para a vítima, via e-mail, uma cópia do boletim de ocorrência”, explica Garcia.
As versões nas duas línguas foi sugerida pela Polícia Civil e desenvolvida pela Coordenadoria de Tecnologia da Informação (TI), da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) com apoio do Cepromat. Toda a tradução das páginas foi realizada por servidores da Segurança e do Cepromat.

Leia também:  Após rondas, PM prende homem com mandado de prisão em aberto

O serviço de registro de ocorrências via internet, por meio do endereço eletrônico www.delegaciavirtual.mt.gov.br, foi criado com o objetivo de oferecer agilidade e comodidade ao cidadão. Além de oferecer segurança e facilidade para comunicar crimes de furtos, perda ou extravio de objetos e documentos, nos casos em que não houver violência física ou grave ameaça, e ocorrências de pessoas desaparecidas.

Dados

A Delegacia Virtual, de janeiro a 15 de dezembro, recebeu 47.927 mil acessos e validou 41.445 boletins de ocorrências confeccionados pela internet. Foram 3.569 registros de furtos simples, 37.498 de extravio ou perda de documentos, 63 comunicações de pessoas desaparecidas e 315 denúncias. Todas as ocorrências foram analisadas pelos policiais na base fixa da Delegacia Virtual, localizada no prédio da 1ª Delegacia de Polícia, na Avenida Tenente Coronel Duarte, no centro de Cuiabá, e encaminhadas em até 4 horas ao comunicante.

Leia também:  Polícia Ambiental apreende armas e materiais de caça
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.