Arnold Schwarzenegger tem duas boas razões para não finalizar seu divórcio de Maria Shriver, segundo o site “TMZ”. Uma delas será a quantia que a Separação irá lhe custar. Maria pediu o divórcio em julho de 2011 depois de descobrir o caso do ator com a empregada e que acabou resultando em um filho fora do casamento.

Fontes do site afirmam que não houve acordo pré-nupcial, então, segundo a lei da Califórnia, tudo deve ser dividido em duas partes iguais entre Schwarzenegger e Maria. O casal não teria problemas com relação a custódia de seu único filho que ainda é menor de idade, Patrick. A razão para o divórcio se arrastar por dois anos e meio seria justamente porque Arnold Schwarzenegger não quer pagar o que deve a ex-mulher.

Leia também:  Resumo de novelas desta quarta-feira (15)

Segundo o “TMZ”, o patrimônio líquido do ex-governador da Califórnia estaria em torno de 400 milhões de dólares. Schwarzenegger sabe que Maria tem direito a metade disso, mas não estaria interessado em pagar a ela 200 milhões de dólares.

O outro motivo para que ele não tenha pressa em terminar o processo é o fato de que seu relacionamento com sua namorada, a fisioterapeuta Heather Miligan, está ficando sério. E se o ator se divorciar a pressão para que ele oficialize a relação irá aumentar.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.