Confirmada nesta quinta-feira (30) a greve deflagrada pelo Sindicato dos Trabalhadores nas Empresas de Correios, Telégrafos e Serviços Postais de Mato Grosso (SINTECT/MT), a paralisação acontece nacionalmente.

O secretário administrativo do SINTECT/MT em Rondonópolis, Jonas Oliveira, explicou que algumas agências ainda estão abertas, pois nem todos os servidores do município aderiram a paralisação em razão da pressão feita pela empresa, contudo a adesão tem crescido e acredita dentro em breve os serviços serão suspensos, em contra partida muitas cidades 100% dos trabalhadores participam do movimento.

O sindicalista frisou que a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) não esta respeitando o acordo firmado com a categoria diante do Tribunal Superior do Trabalho (TST), que confirmou a manutenção do plano de saúde dos servidores.

Leia também:  Preço do litro do etanol cai até R$ 0,20 em postos de combustíveis de Rondonópolis

Jonas observou também que infelizmente a empresa ainda tem se colocado resistente ao diálogo, tanto para está quanto para as demais pautas de reivindicações do sindicato, mas espera que a situação seja resolvida dentro em breve.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.