O Centro de Saúde do Jardim Guanabara (antiga Fusmat), próximo a Câmara Municipal, que foi
desocupado em julho de 2013 pela Prefeitura para a demolição do imóvel devido a precariedade
do local, ainda permanece abandonado. Isso porque um entrave entreve entre o Município e Estado impede a demolição da unidade.

Acontece que o terreno onde está construído o prédio pertence ao Estado e para o Paço realizar a demolição, é necessário uma autorização do Governo Estadual . Contudo, segundo a secretária Municipal de Saúde Marildes Ferreira já foram enviados diversos ofícios com o pedido, mas o Estado ainda não deu a autorização para que a prefeitura faça o serviço.

Conforme Marildes Ferreira, todos os serviços que estavam no local já foram desmembrados para outras regiões. Além disso, o espaço é pequeno e não comporta mais uma unidade do tipo. “O local está muito velho e não tem condições de arrumar. Ainda não tivemos autorização para derrubar, mas já encaminhei o caso ao Ministério Público”, explica.

Leia também:  Há quase 40 dias e sem previsão de término, greve do Detran preocupa população

SOLUÇÃO

Marildes também disse que esteve em reunião com o secretário Estadual de Saúde Jorge Lafetá
nesta semana, e que ele prometeu auxilio no caso. “Ele informou que o Estado só dá a autorização para a demolição se em contra partida o município já tiver um plano do que fazer com o local”, finaliza a secretária informando que vai sentar com responsáveis sobre o assunto para discutir o que pode ser implantado no terreno com a parceria do Governo de Mato Grosso.

OPÇÃO

O vereador Adonias Fernandes (PMDB), afirmou durante sua fala na Sessão da Câmara desta quarta-feira (22), em Rondonópolis, que uma opção para construir no local seria uma base comunitária da Polícia Militar (PM) e de suas companhias especiais. “É necessário que se faça algo de proveitoso no local, a situação hoje é deplorável. Seria interessante construir uma base de polícia, onde a mesma beneficiará toda essa região, inclusive o centro”, explica o parlamentar.

Leia também:  Projeto Mosaic é apresentado aos profissionais da Rede Pública de Ensino de Rondonópolis

Adonias também informou que já encaminhou uma indicação aos secretários Estaduais de Administração e Segurança sobre o assunto.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.