agoramt-preso-assassinoInvestigadores da 2ª Delegacia (Vila Operária) solucionaram na tarde desta quarta-feira (08) mais um crime de homicídio ocorrido na região. Wesley Diego Dias de Souza, 18 anos, foi preso no fim de semana pela Polícia Militar e os agentes da PJC constataram que se tratava do suspeito de ter matado Vamísola Souza Figueiredo, 50 anos, no Marechal Rondon no dia 22 de outubro.

Ele estava sendo procurado e já tinha sido detido por um dos investigadores na noite do crime com o celular da vítima e alguns hematomas no corpo, mas teve que ser solto já que nenhum dos familiares pode ir até o local reconhecer o aparelho.

Leia também:  Mata Grande | Foragidos capturados invadiram residência e fizeram refém

Wesley confessou o crime e contou que sabia que a vítima estava guardando algumas joias e resolveu rouba-la. Ele tentou entrar pelo teto, mas como era muito alto resolveu arrombar a porta. Ele disse ainda que ao entrar a vítima começou a gritar e agredi-lo e ele atirou, mas contou que a intenção não era matar.

Wesley também é suspeito de matar Janderson Tavares Ferreira, no Jardim Liberdade em setembro do ano passado, porém ele afirmou que apenas estava na casa fazendo o uso de entorpecente, mas não teria cometido o crime.

Celular da vítima encontrado com o suspeito - Foto: Aécio Moraes / AGORA MT
Celular da vítima encontrado com o suspeito – Foto: Aécio Moraes / AGORA MT

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.