Desde a última sexta-feira (24), a Polícia Rodoviária Federal registrou trinta e cinco acidentes nas rodovias federais de Mato Grosso. Doze pessoas ficaram feridas e duas morreram.

Foram fiscalizados 1.743 veículos, oito foram retidos, quatro carteiras de habilitação foram recolhidas, 426 autos de infração foram emitidos, 12 usuários das rodovias receberam auxílio das viaturas em ronda e três pessoas foram presas.

PRF realiza duas apreensões nas rodovias federais

No sábado (25), a Polícia Rodoviária Federal realizou duas apreensões nas rodovias federais de Mato Grosso. Durante fiscalização na BR-163 em Itiquira, agentes PRF abordaram um Scania com placas de Mato Grosso, e constataram que o condutor estava transportando 49,5 toneladas de fertilizante, sem os devidos procedimentos fiscais. O condutor e a mercadoria foram encaminhados a SEFAZ.

Leia também:  Peixoto de Azevedo | Pai e filho são detidos com armas e munições em residência

Já em Nova Santa Helena a abordagem se deu no km 946 da BR-163 às 11h30, o veículo VW com placas de MT carregava 15,68 m³ de madeira serrada. Quantidade divergente da declarada na documentação ambiental.

O condutor foi preso por crime ambiental e a ocorrência encaminhada à delegacia de Polícia Civil local e ao IBAMA de Sinop.

Condutores são presos por não serem habilitados

Neste domingo (26), agentes da Polícia Rodoviária Federal prenderam dois condutores nas rodovias federais de Mato Grosso por não serem habilitados. A primeira ocorrência foi realizada no km 295 da BR 364 em Jaciara. Após envolver-se em um acidente, foi constatado que o condutor de uma Honda/CG 125 Fan  com placas de MT não era habilitado para conduzir qualquer tipo de veículo.

Leia também:  Mais três fugitivos são presos e sobe para 10 o número de recapturados em Rondonópolis

Às 17h30, no km 532 da BR-070 em Várzea Grande, o condutor de um veículo Gol  com placas de Mato Grosso. Além de dirigir não habilitado, o condutor estava em estado de embriaguez alcoólica e o passageiro do veículo também foi preso por desacato.

Ambas as ocorrências foram encaminhadas à Delegacia de Polícia Civil.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.