Informações divulgadas pela Associação dos Produtores de Soja e Milho do Estado de Mato Grosso (Aprosoja/MT) revelam que os produtores terão novas preocupações nas lavouras de soja este ano, a preocupação é causada por causa de ocorrências da Lagarta falsa-medideira, praga que ataca as extremidades das folhas.

De acordo com a Aprosoja/MT, a praga é secundária, mas apareceu mais forte nesta safra. “Por conta da soja ter vegetado bem, e a lagarta atacar a parte inferior da planta, fica difícil o inseticida chegar até a área de ação, complicando o controle”, afirma o diretor técnico da Aprosoja, Nery Ribas.

A entidade afirma baseados em alguns relatos de produtores, que o clima com grande incidência de chuvas tem impedido a ação dos defensivos na lavoura. Ainda de acordo com a entidade, nas regiões Norte e Sul de Mato Grosso, também há relatos de dificuldade no controle da praga.

Leia também:  Mais de 50 crianças e adolescentes estão na fila para adoção em MT

Em relação à helicoverpa, que causou algumas preocupações durante o ano passado, a Aprosoja/MT relata que, no momento, a praga dá sinais de estar sob controle em algumas regiões.

“Na região sul tivemos baixa incidência da Helicoverpa devido ao controle e monitoramento intensivo diante dos vários alertas da Aprosoja”, pontua o produtor de Rondonópolis, Osvaldo Pasqualotto.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.