Maria Sharapova e Bethanie Mattek-Sands chamaram atenção antes mesmo de iniciar o confronto desta terça-feira, válido pela primeira rodada do Aberto da Austrália. A americana entrou em quadra com um dos seus ‘looks’ alternativos, com meiões pretos, saia de estampa e parte do cabelo colorido de roxo. A russa inovou com um vestido mais curto e jogou de shortinho, no estilo daqueles usados em treinos e academias. A partir do começo da partida, todas as atenções se voltaram para a atuação da número 3 do mundo, que se classificou para a segunda rodada com uma vitória burocrática em sets diretos sobre a 41ª do ranking da WTA: 6/3 e 6/4. A italiana Karin Knapp (44ª), que superou a argentina Paula Ormaechea (59ª) por 6/4 e 6/2, será a próxima adversária de Sharapova, nesta quinta-feira.

Leia também:  União vence e avança na série D

O início de jogo de Sharapova foi dominante. Duas quebras consecutivas e um set que parecia se encaminhar para o “pneu” (6/0). Porém, a russa passou a errar demais e a se complicar nos games de saque. Mattek-Sands devolveu uma das quebras, no quinto game, e ainda teve um break point quando perdia por 4/2. A tenista russa conseguiu se recuperar a tempo de evitar a segunda quebra, confirmou os serviços e chegou à vitória parcial.

Sharapova atuava serena e sem encantar. O volume de duplas faltas da russa – nove em toda a partida, juntamente com cinco aces – era apenas uma das estatísticas que mostravam que a número 3 do mundo não apresentava regularidade em quadra. Ainda assim, Mattek-Sands não conseguia se sobressair. A americana ficou à frente de uma parcial pela primeira vez só quando fez 4/3 na segunda. Beneficiada por uma dupla falta da adversária que lhe deu uma quebra e a virada, Sharapova sacou para o jogo e conquistou a vitória.

Leia também:  Técnico do União lamenta: “Dava para ir mais longe”
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.