A Comissão Atlética de Nevada divulgou nesta segunda os salários pagos pelo Ultimate aos atletas que participaram do UFC 168. Anderson Silva, mesmo com a derrota para Chris Weidman, foi o mais bem pago, com US$ 600 mil (R$ 1.405.000). Weidman teve o seu valor previsto em contrato dobrado por conta da vitória e ainda assim ficou com US$ 400 mil (R$ 937 mil).

Ronda Rousey manteve o seu cinturão do peso-galo feminino e, também com o salário em dobro por conta do triunfo sobre Miesha Tate, embolsou US$ 100 mil (R$ 234,2 mil), fora os US$ 150 mil (R$ 351,3 mil) que recebeu em dois bônus: o de melhor finalização e de melhor luta da noite.

Leia também:  Circuito de Tênis têm inscrições abertas para torneio em Cuiabá

Na outra ponta da tabela, Fabrício Morango não teve gratificação por vitória. Finalizado por Jim Miller, o brasileiro recebeu US$ 8 mil (R$ 18,7 mil).

Vale lembrar que esses valores não incluem o que os lutadores recebem com patrocínios e participação na venda de pay-per-view.

Confira a lista de salários do UFC 168:

Chris Weidman: US$ 400.000 (incluindo US$ 200.000 de bônus pela vitória)
Anderson Silva: US$ 600.000
Ronda Rousey: US$ 100.000 (incluindo US$ 50.000 de bônus pela vitória)
Miesha Tate: US$ 28.000
Travis Browne: US$ 56.000 (incluindo US$ 28.000 de bônus pela vitória)
Josh Barnett: US$ 170.000
Jim Miller: US$ 92.000 (incluindo US$ 46.000 de bônus pela vitória)
Fabricio Camoes: US$ 8.000
Dustin Poirier: US$ 46.000 (incluindo US$ 23.000 de bônus pela vitória)
Diego Brandao: US$ 20.000*
Uriah Hall: US$ 20.000 (incluindo US$ 10.000 de bônus pela vitória)
Chris Leben: US$ 51.000
Michael Johnson: US$ 36.000 (incluindo US$ 18.000 de bônus pela vitória)
Gleison Tibau: US$ 39.000
Dennis Siver: US$ 66.000 (incluindo US$ 33.000 de bônus pela vitória)
Manny Gamburyan: US$ 25.000
John Howard: US$ 32,000 (incluindo US$ 16.000 de bônus pela vitória)
Siyar Bahadurzada: US$ 17.000
William Patolino: US$ 20.000 (incluindo US$ 10.000 de bônus pela vitória)
Bobby Voelker: US$ 12.000
Robbie Peralta: US$ 24.000 (incluindo US$ 12.000 de bônus pela vitória)
Estevan Payan: US$ 10.000
* Brandão foi multado em 25% de sua bolsa (portanto, US$ 5.000) para por não ter batido o peso para a luta contra Dustin Poirier. Metade dos US$ 5.000 foi para a Comissão Atlética de Nevada, enquanto a outra foi para Poirier.

Leia também:  Luverdense perde do Inter com gol polêmico no final
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.