No verão você sua mais, a maquiagem derrete, a escova não dura nada… Dá vontade de sair às ruas com um ventilador a tiracolo só para não perder a produção, não é? Mas com as dicas a seguir, você não precisará se preocupar.

Hiperidrose axilar

Sim, este é o nome correto para quem sua demais nas axilas. Poucas coisas são mais chatas do que levantar o braço e ficar com a blusa marcada com manchas de suor. Além de ser constrangedor, passa a ideia de falta de higiene, mesmo não sendo este o caso. Mesmo assim, isso derruba a autoestima de qualquer um.

Solução

Uma das melhores opções para o tratamento da hiperidrose axilar é a toxina botulínica (o famoso Botox). A aplicação da Toxina Botulínica pode ser feita na mão (local onde muita gente transpira e não consegue nem usar anéis), na axila ou em outros locais e elimina completamente o suor.

O procedimento é realizado sem internação, no ambiente do consultório médico, e o paciente pode retornar às suas atividades normais no mesmo dia. O único problema é que o tratamento com a toxina botulínica não é definitivo. Você precisa fazer reaplicações uma ou duas vezes ao ano, dependendo do caso. Ainda assim, vale a pena, pois você poderá usar blusas sem se preocupar com as manchas.

Leia também:  Um novo jeito de identificar e tratar o hipertireoidismo

Maquiagem
Quem não sai de casa sem make sofre no verão. Afinal, o calor não é grande amigo do excesso de maquiagem e você acaba correndo sérios riscos de ficar com rosto borrado ao longo do dia.

Soluções

1. Antes de começar o make, lave bem o rosto com água gelada. Ela ajuda a fechar os poros da pele, o que evita o excesso de oleosidade. Passar um pouco de gelo no rosto também é uma opção incrível pra quem vive em cidades quentes.

2. Use um creme hidratante para o rosto sem óleo e, em seguida, espalhe o primer, que também ajuda a fechar melhor os poros, prolongando, assim, a vida do seu make.

3. Tome cuidado ao escolher seus produtos de maquiagem. Isso porque os importados nem sempre se adaptam à pele das brasileiras e derretem rapidinho por causa do calor. Dê preferência aos fabricados no Brasil ou às marcas internacionais que tenham fábricas aqui.
4. Nesta época, escolha produtos com formulação oil-free, ou seja, sem óleo. Quem tem a pele oleosa deve optar sempre por eles.

5. O verão é descontraído e leve, tal qual deve ser sua maquiagem. Muitas vezes a beleza está numa produção simples com blush, batom e máscara para cílios. Vale a tentativa.

Leia também:  O que o povo sabe sobre esclerose múltipla

6. A pele bem cuidada também fixa melhor o make. Por isso, mantenha em dia suas limpezas de pele e consultas com o dermatologista, que te auxiliará na compra de produtos mais indicados.

Escova

As chuvas repentinas do verão, que deixam o clima mais úmido, são as grandes inimigas de quem vive com os cabelos escovados.

Soluções
1. Evite ao máximo o frizz, ou seja, hidrate seu cabelo uma vez na semana, use reparadores antifrizz e, na hora de fazer a escova, passe um produto termoativo. Vale investir, ao menos uma vez no mês, numa hidratação feita em salão, que costuma ter o efeito potencializado.

2. Aquela touca que as mulheres mais velhas faziam pode ser uma mão na roda. Antes de dormir, escove os cabelos e prenda-os, ao redor da cabeça, com alguns grampos e coloque uma touca de tecido. No dia seguinte, solte, passe a escova e aproveite o efeito liso.

3. Fique atenta à previsão do tempo. Se a semana promete chuva, é melhor respeitar a mãe natureza e sair com os cabelos naturais. Isso também vale para a praia. Use-os presos em um coque ou rabo de cavalo, tendências super em alta. Liberdade às madeixas é a sua liberdade também.

Leia também:  Índices de ansiedade estão altíssimos em escolas brasileiras

Hidratante para o corpo
Nesse tempo, às vezes dá preguiça de passar cremes, já que ficamos com a sensação de estar grudando, correto? Mas isso só acontece porque você usa o hidratante errado. O ideal é usar hidratantes em gel ou sem óleo na composição. Eles hidratam do mesmo jeito e garantem a sensação de que você acabou de sair do banho por mais tempo.

Desodorante

Os antitranspirantes contêm sais de alumínio em sua composição, que “fecham” temporariamente as glândulas sudoríparas, reduzindo a sua liberação de suor. Esses sais podem causar reações alérgicas em algumas pessoas, porém, a maioria das irritações causadas por desodorantes ocorre devido às suas fragrâncias e pela presença de álcool na sua formulação. Optar pelos sem álcool deixa as axilas mais hidratadas e não se esqueça: use o desodorante nas axilas limpas e secas. Passar hidratante nelas também é necessário já que a pele costuma ser judiada por conta das excessivas depilações.

Vale lembrar que esta estação é uma das que mais irritam a pele. Ao primeiro sinal de alergia, marque uma consulta com seu dermatologista. Assim você evita ter que se esconder neste calor gostoso.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.