Aproveite também para reavaliar o seu armário - Foto: Reprodução / Internet
Aproveite também para reavaliar o seu armário – Foto: Reprodução / Internet

Quando vestimos o tipo certo de biquíni no corpo, algumas coisinhas que nos incomodam chegam até a desaparecer. É claro que a lembrança dos quilos e mais quilos de chocolate devorados no inverno batem instantaneamente na cabeça, mas questões estruturais podem muito bem ser resolvidas com o modelo ideal de roupa de banho.
Quer um exemplo? Quando vemos uma peitudona de tomara que caia na praia só sabemos criticar. Primeiro, porque a coitada passará o dia inteiro colocando o biquíni no lugar. Segundo, porque fica realmente horrível e sem sustentação. Tudo isso porque mulheres com os seios grandes devem fugir (sair correndo mesmo!) deste tipo de top.

Para nos ajudar neste guia de verão, a blogueira Lia Camargo, autora do Just Lia, separou dicas infalíveis para para as leitoras da QUEM Inspira acertarem na próxima compra. “O que deve ser levado em conta na hora do biquíni é tentar criar ilusões de ótica e mudanças de foco que disfarcem o que te desagrada e chamem atenção para seus pontos fortes”, disse.

Leia também:  Quatro sapatos confortáveis para ir a um casamento

Aproveite também para reavaliar o seu armário. Tenho certeza de que todas nós já demos uma escapadinha e acabamos comprando, por impulso, uma peça que não nos cai bem.
– Ombros largos e pouco quadril (corpo de triângulo invertido)
Embaixo: detalhes como amarrações e estampas.
Em cima: evite detalhes e estampas nessa região

– Ombros estreitos e muito quadril (triângulo)
Embaixo: a calcinha deve ter as laterais mais grossas pra sustentação
Em cima: abuse de detalhes, estampas para valorizar o colo

– Seios grandes
Escolha um top com boa sustentação, nada de tomara que caia ou cortininha, o modelo mais indicado é o frente única com as alcinhas mais grossas. Também é bom apostar em top com aro (sem bojo).

Leia também:  Batons nude e de cores fortes marcam a maquiagem durante o inverno | Moda e Beleza

– Seios pequenos
Se você gosta de mostrar o tamanho P, pode investir em tops cortininha ou tomara que caia mais franzidinhos (os retos dão impressão de seios menores). Se você tem vontade de fazê-los parecer maiores, invista em texturas, cores, aplicações, babados ou até mesmo versões com bojo.
– Gordinhas com barriga
Embaixo: Escolha calcinhas com a cintura mais alta ou hotpants, para segurar o volume na região da barriga.
Em cima: Os seios grandes também precisam de suporte, então escolha a opção frente única com alças mais grossas.

– Magrinha com barriga
Prefira calcinhas “sunkini”, com cós em faixa ou dobradinho, que dão uma segurada no volume.
– Magra sem barriga
Abuse de estampas, pedrarias, amarrações, babados e todo tipo de detalhe que dê impressão de volume.

Leia também:  Aprenda dicas rápidas para uma maquiagem perfeita

– Atlética (musculosa)
O corpo atlético fica mais bonito com modelagens mais simples e delicadas como o cortininha e o tomara que caia. Biquínis com muito tecido como hotpants ou top de babados podem acrescentar muito volume a um corpo que já tem a textura dos músculos.

O tomara que caia é perigoso pra seios grandes, porque não dá a sustentação necessária. Já para quem tem seios médios ou pequenos, ele pode criar a ilusão de seios maiores, pois criam uma linha horizontal na silhueta, que dá efeito de alargar a região.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.