Comercialização da safra 2013/14 de soja em Mato Grosso avançou 6,4 % e chegou a 55,2% das mais de 25 milhões de toneladas previstas, apontou o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

Em seu primeiro relatório da soja de 2014, o Instituto cita que a região com maior valor comprometido é a nordeste, com quase 60%, enquanto a mais atrasada é a norte, com apenas 42% vendidos. Na comparação com a temporada 2012/13, os negócios estão em um ritmo menor, 14 pontos percentuais atrasados, refletindo os menores preços oferecidos aos produtores.

“Houve um avanço na comercialização em dezembro devido ao preço e que foi o melhor valor médio no mês”, diz Ângelo Ozelame, analista de mercado do Imea.

Leia também:  Ultrapassagens indevidas aumentam 58% nas rodovias de MT durante o feriado de Corpus Christi

No último mês, a melhor faixa verificada alcançou R$ 50 a saca. “Isso fez aumentar o preço médio ponderado pela comercialização e esses 55% já negociados encontraram um preço médio de R$ 45 a R$ 50 por saca”, pontuou ainda Ozelame.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.