A Escola Estadual Antônio Ferreira Sobrinho fechou a semana com um belo trabalho de conscientização ecológica. A escola reinaugurou o Viveiro Educador que agora ganha o nome de Espaço Ambiental “João Carlos Vasquez Mota”, uma homenagem ao professor João Carlos que foi um dos incentivadores do projeto Mata Viva, coordenado pelo professor Jorge Antunes e que vem trazendo bons frutos aos futuros jovens estudantes.

O projeto Mata Viva tem como objetivo levar aos alunos e cidadãos em geral um pouco de conscientização em torno da ecologia com limpezas em áreas ecológicas e o plantio de mudas que em breve irão arborizar o município.

Para o professor Jorge, a parceria que a escola tem junto a Prefeitura de Jaciara é importante para que esses projetos possam ganhar forma.

Leia também:  Cai 28% o número de roubo de aparelhos celulares em Mato Grosso

“Agradeço o apoio que o prefeito Ademir vem trazendo para os nossos projetos ecológicos e agradeço também todos os alunos que colocam a mão na massa para garantir um aprendizado e exemplo de preservação que é passado de família a família”, comentou o professor.

O homenageado, professor João Carlos, agradeceu ao presente e se dispôs a estar sempre em convívio, incentivando e colocando em prática a educação ecológica para os alunos. Já para o prefeito de Jaciara, Ademir Gaspar, essa iniciativa de professores e alunos em gerar uma discussão em torno do assunto, preservação ambiental, é um exemplo a ser seguido por todos. “Hoje essa escola é um exemplo de conscientização para todos nós e isso é algo que a prefeitura valoriza muito. Precisamos preservar nosso meio ambiente e não mediremos esforços para garantir um apoio sempre que os projetos ambientais precisarem”, finalizou o prefeito.

Leia também:  União volta a jogar sábado pelo Sub-19

Logo após a reinauguração do Viveiro Educador, os alunos foram a campo, realizar o plantio de mudas de árvores nativas. A primeira parada foi na empresa Argamassas Brasil que se mostrou disposta a ajudar e apoiar o projeto. “Acredito muito em trabalhos de conscientização, principalmente realizados por jovens que tem um futuro brilhante pela frente”, comentou o empresário Tiago Farias.

A segunda parada foi na Chácara da família Chimatti, que ganhou novas mudas de árvores de Ypês nas margens do córrego que corta a chácara, garantindo assim um espaço arborizado em meio a baqueara, como comenta a bióloga da Prefeitura, Lucimara Castilho. “É gratificante ver esses jovens tão interessados na natureza e preocupados em revitalizar e arborizar os espaços que rodeiam o município. Eles não só levam conscientização para a vida toda, como também aprendizado”, comentou.

Leia também:  Pontes e Lacerda | Construção Civil é o setor que mais gera empregos em junho

Além de fazerem uma boa ação, os estudantes permanecem em contato com a natureza e a alegria e bem estar são estampados em cada sorriso ao ver mais uma futura árvore plantada.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.