Está cada vez mais difícil a renovação de contrato de Gilbert Melendez com o Ultimate. As partes não conseguiram se entender desde a última luta do último campeão peso-leve do Strikeforce, ocorrida no dia 19 de outubro, no UFC 166. O presidente da organização, Dana White, disse nesta quarta-feira à noite que não quer saber mais de participar das conversas e criticou o empresário do lutador, Rodolphe Beaulieu, o mesmo que gerencia a carreira de Georges St-Pierre e que já teve problemas com o dirigente.

– Não dá mais. (A negociação) Não está indo bem. Eu não poderia me importar menos sobre isso. Gosto de Gilbert Melendez, eu não gosto da gestão de sua carreira. Ser o melhor amigo de Georges St-Pierre não faz de você um bom empresário. Se ele (Melendez) quer lutar no UFC, é melhor falar com o Lorenzo (Fertitta, CEO do Ultimate) rapidamente. É melhor ele começar a procurar outro lugar – disse Dana ao programa oficial da organização na TV americana, o “UFC Tonight”.

Leia também:  Pesso chega e começa a montar o União

Gilbert Melendez foi incorporado pelo Ultimate depois que a organização comprou e extinguiu o Strikeforce. Considerado um dos melhores do mundo na categoria, recebeu logo na primeira luta a oportunidade de desafiar o então campeão Ben Henderson. Melendez acabou derrotado por decisão dividida dos jurados, em um resultado que gerou bastante polêmica. Na sequência, venceu Diego Sanchez, e então o contrato terminou.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.