Se depender do lobby forte, a região Sul de Mato Grosso deve ganhar mais dois novos municípios: Salto da Alegria e Ouro Branco do Sul, ambos desmembrados de Paranatinga e Itiquira, respectivamente. O presidente de fato e de direito da Assembleia Legislativo, José Riva (PSD), articula junto ao Congresso Nacional para que seja derrubado o veto da presidente Dilma Rousseff (PT) para a criação de novos municípios brasileiros.

Ele encaminhou documento a todos os senadores e deputados federais pedindo apoio à derrubada do veto. Caso seja derrubado, Mato Grosso passará a ter mais 56 novos municípios, além dos 141 já existentes. Catorze novas cidades seriam criadas por autoria de Riva.

Leia também:  Sachetti está provando do próprio veneno

Além dos dois novos municípios da Região Sul que podem ser criados estão na lista: Capão Verde, de Alto Paraguai; Nova Fronteira, de Tabaporã; Guariba, de Colniza; Nova União, de Cotriguaçu; Santa Clara do Monte Cristo, de Vila Bela; Rio Xingu, de Querência; União do Norte, de Peixoto de Azevedo; Espigão do Leste, de São Félix do Araguaia; Novo Paraíso, de Ribeirão Cascalheira; Paranorte, de Juara; Boa Esperança do Norte, de Nova Ubitaran/Sorriso; Cardoso do Oeste, de Porto Esperidião; Santo Antônio da Fontoura, de São José do Xingu; Conselvan, de Aripuanã; Japuranã, de Nova Bandeirantes; Veranópolis do Araguaia, de Confresa; Brianorte, de Nova Maringá e Rondon do Parecis, de Campo Novo do Parecis.

Leia também:  A revolta dos alunos

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.