Faixa de cobrança por quebra-molas
Faixa de cobrança por quebra-molas

Moradores, sitiantes e estudantes da escola Dom Wunibaldo, em Fátima de São Lourenço, bloqueiam nesta quinta-feira (13) a rodovia que corta o distrito, para chamar a atenção das autoridades para a construção de quebra-molas na via.

De acordo com os manifestantes, depois que a rodovia foi asfaltada aumentou significativamente o número de acidentes na região em razão dos motoristas, principalmente caminhoneiros que vem das fazendas e trafegam pelo local em alta velocidade.

Os moradores reivindicam do Governo do Estado a implantação de quebra-molas, ou outras ferramentas para obrigar os motoristas a reduzirem a velocidade e assim diminuir o número de vítimas em acidentes na rodovia.

Como forma de evitar a passagem pelo local os manifestantes utilizaram tratores, pneus, atearam fogo em galhos, além de faixas de protesto e cobrança.

Leia também:  BR-364 terá interdição para detonação de rochas nesta sexta
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.