A presidente Dilma Rousseff (PT) não quer dividir palanque com outros candidatos para a eleição de 2014. “Ela quer um palanque exclusivo para ela. Não entramos no mérito eleitoral e as discussões sobre o PDT passa por nível nacional” disse o governador Silval Barbosa, durante a cerimônia e liberação de mais uma obra da Copa do Mundo, nesta quarta-feira (12).

Ele disse que só teve conversa de helicóptero com a presidente da República e que o palanque para ela é preparado pelo grupo dos 9 partidos que vem se reunido com frequencia, no apartamento do deputado federal, Carlos Bezerra, em Cuiabá.

O governador destacou ainda que é natural nesses meses que antecedem as convenções partidárias, esse vai e volta dos partidos sobre candidaturas. “Não vai ter decisão até final de fevereiro, até final de março. Isso é assim mesmo (composição de chapas) e vai ser decidido depois”.

Leia também:  Podemos deve ser o destino de Medeiros
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.