Após ficar sem oponente para o UFC 170 – Francisco Rivera, que seria seu adversário, quebrou a mão nos treinos e deixou o card – o pernambucano Raphael Assunção elegeu um novo alvo para voltar a lutar. E não é qualquer lutador, mas sim o atual campeão da categoria, Renan Barão.

– Eu quero minha chance contra Barão. Sou o único peso-galo ainda invicto no UFC que ainda não teve a chance de disputar o cinturão. Sou o terceiro do ranking. Vou pedir esta luta para o patrão. Dominick Cruz, Urijah Faber, Eddie Wineland e Michael McDonald já o enfrentaram. E eu posso dar a ele uma luta diferente – disse Assunção ao site “MMA Fighting”.

O brasileiro disse ainda que não acredita que o UFC vá arranjar um adversário para substituir Rivera faltando menos de 20 dias para o evento, e que acredita que o timing seja perfeito para que uma luta valendo o cinturão contra Barão seja acertada.

Leia também:  Cuiabá Arsenal encara último rival da 1ª fase do brasileiro

– Barão não se machucou na luta contra Urijah Faber, e sei que posso ser um desafio diferente para ele. Eu lesionei meu ombro e fiz fisioterapia por mais de um mês, e teria que mudar completamente a minha preparação para uma eventual nova luta no UFC 170. Seria excelente iniciar um novo período completo de treinos agora com o objetivo de desafiar Barão pelo título – finalizou o lutador.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.