Um dia depois de João Souza, foi a vez de Rogério Dutra Silva, o Rogerinho, ser mais um brasileiro a superar as expectativas e bater um favorito para avançar às oitavas de final do Brasil Open. Apenas número 147 do mundo, Rogerinho começou perdendo nesta terça-feira à tarde, mas conseguiu acertar bolas preciosas e bateu, de virada, o espanhol Guillermo Garcia-Lopez, 52º do ranking mundial e sexto cabeça de chave da competição, por 2 sets a 1, com parciais de 1/6, 7/5 e 6/3, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo.

Por uma vaga nas quartas, Rogerinho vai encarar o ganhador do jogo entre o italiano Paolo Lorenzo (114º) e o espanhol Pere Riba (127º), que duelam nesta terça-feira.

Leia também:  Luve perde e está de volta à Zona da Degola

Rogério foi o único dos quatro brasileiros na chave principal a precisar disputar o qualifying para garantir o seu lugar. Apesar do cansaço acumulado por três partidas nos três dias, o paulista demonstrou um bom preparo físico e deslizou muito sobre o saibro do Ibirapuera.
Conhecido por sua consistência, Lopez fez um primeiro set praticamente perfeito. Com saque forte e ótimo jogo de fundo de quadra, ele também contou com uma boa quantidade de erros do brasileiro, que demorou para entrar na partida e só venceu um game no primeiro set, vencido pelo espanhol por 6/1.

Mais ligado e aplicando golpes certeiros, Rogerinho demonstrou que não entregaria facilmente o jogo para o favorito. Acreditando em cada jogada e errando muito menos, o brasileiro quebrou o saque do adversário pela primeira vez no 11º game do segundo set. Com 6 a 5 no marcador, ele encaixou bons saques e fechou a parcial em 7/5.

Leia também:  Jogador revelado pelo REC marca contra o Flamengo

O terceiro set começou bastante equilibrado até que Guillermo sentiu dores na coxa direita e pediu atendimento médico. Depois de alguns minutos de paralisação, a partida foi reiniciada com Rogerinho soltando a mão e tomando a dianteira. No sexto game, o brasileiro quebrou mais uma vez o serviço do oponente e abriu 4 a 2, confirmou o seu serviço na sequência e fez 5 a 2. Lopez chegou a fazer o seu terceiro game no set decisivo, mas, depois de desperdiçar três match points, venceu o nono game e fechou o set em 6/4 e o jogo por 2 sets a 1.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.