manifestação pedagio em Campo verde1
Coleta de assinatura conta a concessão das MT – Foto: Wladimir Lopes /AGORA MT

Uniformizados com a camiseta do movimento contra a concessão da rodovia MT 251 e MT 140, onde lia-se “Pedágio Não! Pelo direito de ir e vir”, os vereadores de Campo Verde  organizaram a manifestação em frente a praça João Paulo II, na manhã de hoje (05) onde se reuniram também, representantes do movimento de cidades vizinhas bem como lideranças locais e cidadãos campo-verdenses.

A População do município já demonstrou sua contrariedade à concessão por meio de documento entregue ao secretário da Secretaria de Transporte e Pavimentação Urbana (Setpu) quando foi realizada a audiência pública na cidade. Porém essa contrariedade é reforçada pelas manifestações e um abaixo assinado que reúne assinaturas de moradores da cidade e que podem deixar seu registro no Stand do movimento que ficará disponível na Praça central até sexta feira, como informou o Presidente da Câmara Municipal de Vereadores, José Humberto. “Estamos colhendo as assinaturas para tentar ajudar ao movimento a tentar evitar que esse imposto também nos seja cobrado. A concessão da rodovia representará mais um gasto para o cidadão campo-verdense”, declara.

Leia também:  Concurso da Seduc recebe mais de 250 mil inscrições

Segundo os manifestantes, entre eles o vereador e produtor rural Paulo Cezar Aguiar, a cobrança de mais essa taxa é muito injusta. “Se a rodovia passar por concessão iremos pagar três vezes pela estrada, uma vez que parte da rodovia foi construída por meio de consórcio entre os produtores da região, que também pagam o Fethab para a manutenção das estradas e agora terão que pagar mais o pedágio para trafegar pela rodovia”, destacou o produtor.

“Pagamos asfalto, pagamos tapa buraco e agora, ainda teremos que pagar pedágio. Isso é revoltante”, enfatiza a vereadora Alaene Fernandes.

Como informou o presidente José Humberto, será realizada outra manifestação em Campo Verde, no trevo do Gardez (MT 140) com a data a ser definida na sexta-feira (7) para o recolhimento de mais assinaturas dos usuários da rodovia que passam pelo trecho a ser concessionado.

Leia também:  Captação de leite registra queda de 10,3% em MT
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.