O Brasil conquistou mais cinco medalhas na primeira etapa deste segundo dia de competições do torneio de Atletismo dos Jogos Sul-Americanos do Chile. No Estádio Olímpico de Santiago, nesta sexta-feira 14, foram disputadas três finais, todas vencidas por atletas brasileiros. No primeiro dia, na quinta-feira, foram conquistadas sete medalhas (duas de ouro, três de prata e duas de bronze).

O destaque brasileiro nesta sexta-feira foi na final dos 400 m, com vitória de Anderson Henriques e medalha de prata para Hugo Balduíno. Eles registraram os melhores tempos do mundo ao ar livre, de acordo com o Ranking da IAAF, neste ano, com 45.03 e 45.09, respectivamente. Anderson repetiu sua marca da final do Mundial de Moscou (na semifinal havia feito 44.95) e Hugo melhorou sua marca pessoal. O venezuelano Freddy Menozes terminou com o bronze, com 45.86.

Leia também:  Em competição em Cuiabá, estudantes de Rondonópolis se classificam para Jogos Brasileiros

Outro bom resultado foi alcançado na prova feminina dos 400 m, com vitória de Geisa Coutinho, com 51.81. Joelma das Neves Sousa ficou com a medalha de bronze, com 52.75, enquanto a de prata foi para a venezuelana Nercely Soto, com 52.30.

Wagner Domingos, o Montanha, venceu a prova do lançamento do martelo, que abriu as disputas desta sexta-feira. O brasileiro venceu com tranquilidade, com a marca de 70,62 m. O chileno Robert Saez Lafourcade ficou com a prata, com 67,38 m, seguido do argentino Juan Ignacio Cerra, com 66,34 m. Allan Wolski, também do Brasil, terminou em sétimo, com 62,90 m.

Nas semifinais dos 100 m, prova que terá briga pelo pódio ainda nesta sexta-feira, Franciela Krasucki, com 11.53 (-0.8), e Jefferson Lucindo, com 10.35 (1.0), se classificaram para a final, assim como Jonatha do Nascimento Mendes, com 13.94 (-1.3) , e Matheus Inocêncio, com 14.15 (-1.6), nos 110 m com barreiras.

Leia também:  MT | Inscrições para Circuito Estadual de Tênis encerram nesta segunda

As competições desta sexta-feira recomeçam às 18 horas, com a disputa de mais nove provas finais, incluindo o salto em distância, com o bicampeão mundial indoor Mauro Vinícius “Duda” da Silva, e o salto com vara, com a multicampeã Fabiana Murer.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.