A situação do prédio do PSF Jardim Guanabara (antiga Fusmat), próximo a Câmara Municipal em Rondonópolis é tão lamentável que a Coordenadora de Patrimônio do Estado de Mato Grosso, Ivany Reis, não conseguiu entrar no imóvel devido ao mau cheiro no local, durante uma vistoria que ocorreu só do lado de fora.

Ela que se deslocou de Cuiabá especialmente para realizar a vistoria não conseguiu nem andar pelos cômodos. O lugar que serve de abrigo para mendigos, usuários de drogas e prostituição está repleto de fezes, comida podre e lixo hospitalar.

Situação que pode ter colaborado para a aprovação da demolição do local que está prevista para próxima semana.

Leia também:  Kléber Lima volta ao comando da Comunicação
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.