A Escola Estadual Major Otávio Pitaluga (EEMOP) é uma das unidades de educação de Rondonópolis que iniciou o ano letivo de 2014, nesta segunda-feira (17), com vagas para novos alunos.

O diretor da escola EEMOP, Jovenil Messias da Silva, acredita que as vagas sejam resultado do curto prazo entre o término e início das aulas, em detrimento da greve, além da preferência dos pais por escola A ou B, tendo em vista que a situação também se repete em outras unidades.

Jovenil acredita que até sexta-feira (21) as vagas já tenham sido preenchidas, mesmo com a mobilização nacional, para que o ano letivo possa ter início sem complicações.

A assessora pedagógica da Seduc, Margarida Aracy de Campos e Silva, confirmou que ainda existem algumas escolas com vagas, em alguns casos em razão de criação de novas salas, mas que ainda esta semana terá um número exato tendo em vista que muitos pais ainda estão procurando as escolas para matricular os filhos.

Leia também:  Rondonópolis gera mais emprego que Cuiabá no 1º semestre

O prazo para as novas matrículas encerraram no último dia 12 de março.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.