A exportação do algodão em Mato Grosso caiu em fevereiro mas continuou positiva. No boletim divulgado, esta semana, o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) destacou decréscimo de 2%, totalizado pouco mais de 13,5 mil toneladas embarcadas. A Indonésia comprou 55%, sendo o principal destino.

Segundo o Imea, “devido principalmente ao crescimento industrial que a Ásia vem demonstrando. Isso justifica o fato de, dos 14 destinos que a pluma do Estado teve em fevereiro, 11 estarem localizados no continente asiático. Dos países que importaram algodão de Mato Grosso em fevereiro, apenas a Argentina, Espanha e Equador estão fora da Ásia, e ficaram apenas com a 9ª, 10ª, e 11ª posição, respectivamente, no ranking daquele mês”.

Leia também:  Inscrições do concurso público da UFMT já estão abertas

Os preços do algodão seguem em queda no Mato Grosso. O Instituto destacou que nos últimos 30 dias, a cotação média caiu 3%. “No entanto, a expectativa ainda é de reação, o câmbio elevado diminui a competitividade dos produtos importados no mercado interno, o que pode impulsionar o consumo das indústrias brasileiras no decorrer do ano, trazendo um cenário positivo aos cotonicultores”.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.