Atual titular da camisa 9 da seleção brasileira, Fred tem ido à igreja com frequência nos últimos meses. O jogador do Fluminense, no entanto, nega que as recentes visitas aos cultos da Comunidade Evangélica Internacional da Zona Sul tenham a ver com o sonho de ir à Copa do Mundo e as recentes lesões pelo Tricolor.

“Sempre fui para igreja. Em alguns momentos mais, outros menos. Não tem nada a relacionado à Copa do Mundo, nada a fazer gol pelo Fluminense. Nada relacionado a não me machucar. Só tem a ver com o coração. É uma coisa da minha fé, que me faz bem. Me deixa em paz. Automaticamente, todas essas coisas que citei são beneficiadas”, explicou Fred.

Leia também:  Futebol em luto: morre Gilson Lira

O atacante se mostrou bastante incomodado com os comentários sobre a sua vida pessoal e reclamou de invasão de privacidade de uma reportagem na igreja em que frequenta. Para Fred, o interesse na sua religião ultrapassa os limites da relação com a imprensa.

“É ruim quando estou na igreja. É uma falta de respeito, invade a minha privacidade. Pior que isso, invadiram a casa de Deus”, disse Fred. “Se for analisar bem, pelo menos o nome de Deus foi falado. Isso incomoda [invasão de privacidade]. Não tenho de ficar falando sobre isso. Acredito que vou manter as minhas coisas. Procuro respeitar a profissão de todos, mas tem gente que pode passar dos limites. Assim como eu posso passar também”, ponderou o atacante.

Leia também:  União precisa vencer para ficar com título do sub-19

Conhecido pela fama de mulherengo, Fred disse que as pessoas terão que notar a sua conduta para dizer se houve alguma mudança. O atacante se recusou a dizer o que procurou alterar no seu comportamento desde que passou a frequentar a igreja.

“Eu falando, não vai adiantar nada. Tenho que seguir meu caminho. A partir daí vocês vão ver minha conduta, meu comportamento. Não tem nada de religião. É uma coisa minha com Deus. E vou falar, é a melhor coisa do mundo. Estou superbem”, encerrou o atacante.

Fred está confirmado para o clássico de domingo, contra o Vasco, às 18h30, pela 14ª rodada do Campeonato Carioca. A partida pode dar ao Fluminense o segundo lugar na fase de classificação e uma consequente vantagem no mata-mata da competição.

Leia também:  Acontece nesse final de semana 1º Torneio de Férias de Vôlei no Ginásio Municipal de Jaciara

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.