O meia Jadson admitiu que saiu chateado do São Paulo. Antes da troca com Alexandre Pato acontecer, o jogador disse que não estava se sentindo valorizado no Tricolor Paulista. E este foi um dos motivos de ter aceitado ir para o Corinthians.

– Isso é coisa do futebol. Quando o jogador recebe uma oportunidade e vai bem, você tem que esperar uma nova oportunidade. Mesmo às vezes eu me dedicando bastante e me esforçando, não houve reconhecimento. Então saí de lá meio chateado. Mas o mundo do futebol gira muito e agora estou aqui no Corinthians vestindo essa camisa com muito amor e carinho e tenho só a melhorar daqui para frente – declarou em entrevista ao programa “Arena SporTV”.

Leia também:  União começa neste domingo sonho de voltar à Copa do Brasil

Mesmo não vivendo um bom momento no time do Morumbi, na época da negociação, o meio-campista acha que ainda tinha espaço para melhorar no São Paulo.

– No São Paulo não tinha acabado o meu ciclo. Mas eu tive a oportunidade de vir para um clube grande, o Corinthians, com a torcida maravilhosa, que, desde o primeiro jogo, me acolheu muito bem. Conhecia o Mano e a comissão, sabia que ia ser um pouco complicado, mas sou bem tranquilo quanto a isso e vim para cá decidido e tentando buscar o meu espaço. Só tenho que agradecer à torcida do Corinthians que me acolheu muito bem, aos jogadores, à comissão, à diretoria e ao clube. Então, estou feliz aqui.

Leia também:  MT fatura ouro e prata na luta olímpica dos Jogos Escolares

Jadson negou que os problemas no Tricolor tenham começado após a contratação de Paulo Henrique Ganso e disse que não tinha problemas com ele. Mas o jogador reconheceu que voltou de férias acima do peso.

– Sou um cara muito tranquilo, sou profissional e respeito meus companheiros. Nenhum jogador gosta de ficar na reserva e eu também sou assim. Só que em nenhum momento eu fiquei de cara feia. Sempre me dei muito bem com os meus companheiros, brinquei e meu jeito é esse. Às vezes falam nos bastidores coisas que não são verdades. As pessoas mais próximas que me conhecem e sabem do meu jeito, sempre trato todo mundo bem. A única verdade é que nas férias eu fui aproveitar com a família, descansar um pouco a cabeça e voltei um pouco acima do peso. Mas fiquei três semanas trabalhando dois períodos me dedicando ao máximo para ter uma oportunidade.

Leia também:  Colorado vence fora de casa e ganha moral na Copinha

Em vários momentos da entrevista, o meia fez questão de afirmar que está feliz na nova casa. Ao final das respostas o discurso costumava ser o mesmo: “Estou aqui no Corinthians e estou feliz”. Esta felicidade está sendo traduzida em boas atuações em campo. Nos quatro jogos que realizou com a camisa 10 do Timão, Jadson fez um gol e deu três assistências.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.