Arquivo AGORA MT
Arquivo AGORA MT

Famílias do Movimento dos Trabalhadores Rurais Assentados e Acampados de Mato Grosso (MTA) foram despejadas da Fazenda Brocota em São José do Povo, na manhã desta segunda-feira (31), por determinação judicial, mesmo com a avaliação favorável do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) para a ocupação das terras.

A coordenadora do MTA, Rosália de Jesus Lima, explicou que o processo de desapropriação das terras estavam bem antecipados e restava apenas o resultado da análise do INCRA para ser feito o decreto presidencial.

Rosália afirmou que o Instituto já havia feito a vistoria e indicou que a área seria desocupada para que as 65 famílias pudessem trabalhar e produzir no local, por essa razão não entende o motivo da execução do mandado de despejo.

Leia também:  Cuiabá sediará campeonato brasileiro de montaria em touros

De acordo com a coordenadora os assentados não se contentarão com a medida e vão recorrer da decisão, enquanto aguardam em frente a fazenda.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.