Presidente Nacional do PDT - Foto: reprodução
Presidente Nacional do PDT – Foto: reprodução

 

As lideranças do PT e PMDB em Mato Grosso tem espalhado para os ‘quatro cantos’ que a presidente Dilma Rousseff (PT) quer palanque único no Estado e por isso tem ocorrido articulações para pressionar dirigentes nacionais que fazem parte da coligação da presidente.

Apesar desse pedido que tem se espalhado o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, que tem como candidato de oposição o senador Pedro Taques (PDT) disse que ao seu Partido não houve nenhum pedido de Dilma sobre a proposta de manter palanque único.

Lupi afirmou que mesmo com a pressão não irá aceitar qualquer intimidação e que a candidatura do senador Pedro Taques ao governo do Estado é irreversível. O presidente do PDT disse que Dilma nunca pediu e nunca pedirá intervenção, por saber que cada Partido tem sua autonomia.

Leia também:  Se ficar o bicho pega
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.