Cristiano durante manifestação - Foto: Paranatinga News
Cristiano durante manifestação – Foto: Paranatinga News

Uma semana após sofrer com a morte da pequena Kimberly Rethiele Freitas Sales, 09 anos, que foi estuprada, estrangulada e depois jogada em um lixão, em Paranatinga, há 270 quilômetros de Rondonópolis, a família agora terá de suportar a dor da perda mais uma vez, já que o pai de Kimberly, morreu na noite deste domingo (30) em um acidente de moto.

De acordo com informações, Cristiano de Andrade Santos, seguia em uma rua de Paranatinga pilotando uma motocicleta modelo YBR de cor prata quando bateu na traseira de um caminhão.

Com o impacto, Cristiano sofreu algumas fraturas. Ele foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), porém morreu ao dar entrada no hospital.

Leia também:  Durante briga de casal, mulher atinge marido com canivete

Populares disseram que a rua é considerado de escura, com pouca visibilidade a noite. O que pode ser uma das causas do acidente.

Moto em que Cristiano estava - Foto: Paranatinga News
Moto em que Cristiano estava – Foto: Paranatinga News
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.