Willian Kendrick de Matos Silva - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Willian Kendrick de Matos Silva – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

O Pró-Reitor do Núcleo de Educação a Distância da UniCesumar, Willian Kendrick de Matos Silva, esteve presente no polo universitário da instituição em Rondonópolis na noite desta terça-feira (25). A visita teve como objetivo conhecer a realidade, dificuldade, desafios e também dar segurança a toda comunidade acadêmica.

Durante o encontro o pró-reitor falou sobre a possibilidade de ampliar a instituição tornando-a presencial. “É um grande desafio, temos sim o interesse de desenvolver uma instituição presencial. Dentro do nosso projeto de expansão estamos abrindo seis novas instituições em cidades diferentes e em um segundo momento nós temos o grande interesse também de estar estabelecendo aqui em Rondonópolis” finaliza Willian.

De acordo com o pró-reitor a visita faz parte de um processo de satisfação da instituição como sede em estar presente perto dos alunos. “Apesar de trabalharmos com uma modalidade de educação a distância, nós queremos estar perto dos nossos alunos” diz Willian.

Leia também:  Focos de incêndio aumentam e bombeiros solicitam reforço em Rondonópolis

O pró-reitor afirma conhecer todos os polos e diz pretender visitar os 58 existentes. Durante a visita outros cinco diretores estiveram presentes. “É um desafio muito grande. Uma vez por ano saímos nessa grande jornada visitando um por um. Aqui encontramos realidades diferentes de acordo com cada cultura, cada sociedade”.

Willian esclarece que as principais dúvidas dos alunos em relação a instituição é a respeito de como funciona a sede instalada em Maringá. “Diante das dúvidas tentamos de forma simples, rápida e bem tranquila mostrar para eles que existe uma instituição com mais de 2 mil colaboradores trabalhando para tudo aquilo que pretendemos contribuir na formação acadêmica,  desde a gravação de uma aula, na contratação de um professor, na mediação de um fórum, na construção de livro didático, ou seja, de todas as ferramentas que são extremamente importantes. Quando estamos aqui eles ficam um pouco mais tranquilos acreditando que não é só sobre a TV ou o computador que eles acabam nos vendo. Então realmente é um momento maravilhoso, ímpar da nossa instituição e com certeza para o polo da nossa unidade aqui em Rondonópolis” diz o pró-reitor.

Leia também:  Atrasos em rapasses voltam a preocupar Santa Casa; serviços podem sofrer reduções

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.