Há seis dias úteis do término do recadastramento biométrico em Rondonópolis, cerca de 30 mil eleitores ainda não compareceram aos cartórios eleitorais para atualizar o título. O prazo termina na próxima sexta-feira (21).

A baixa procura pelo recadastramento preocupa o Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE), inclusive na tarde de hoje (14), a vice-presidente e corregedora do TRE, desembargadora Maria Helena Gargaglione Póvoas, concederá uma entrevista coletiva sobre a biometria. O objetivo é convocar a população a se cadastrar e evitar o cancelamento do título.

Conforme a juíza eleitoral, Maria Mazarelo Farias Pinto, a média de recadastramento está entre 250 a 300 pessoas diariamente, contudo, a capacidade diária é de 900 atendimentos.

“Temos 37 mesas espalhadas em vários locais em Rondonópolis, com aptidão para atender muitas pessoas, porém a procura não chega a 300 eleitores ao dia”, confirma a magistrada.

Leia também:  Taques reclama e mesmo com protestos confirma Unemat em Rondonópolis

Até ontem (13), 108 mil eleitores haviam se recadastrado, o que soma uma média de 77,56%. A meta para Rondonópolis é que 80% do eleitorado se recadastre.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.