A partida entre Rondonópolis e CRB, que seria realizada na quarta-feira (12), mas foi adiada por conta do atraso no voo que levava o time alagoano para Cuiabá na última terça-feira, será realizada nesta quinta-feira (13), às 21h30m (horário de Brasília), no Estádio Luthero Lopes, em Rondonópolis (220km de Cuiabá). O jogo é válido pela primeira fase da Copa do Brasil.
Fundado em 2006, o Leão de Rondonópolis se prepara para sua estreia na Copa do Brasil, que será a sua primeira competição nacional. Caso perca por mais de dois gols de diferença, o clube será eliminado do torneio. Já o CRB tenta se reerguer na temporada.

A arbitragem do duelo fica por conta do sul-mato-grossense Thiago de Alencar Gonzaga, que terá como auxiliares os também sul-mato-grossenses Sérgio da Silva e Edmilson Rodrigues.

Leia também:  União tem desafio diante do Luverdense em Lucas

Rondonópolis de ressaca

O Leão está invicto há 16 jogos, mas ainda está na ressaca da eliminação do Campeonato Mato-grossense. O time empatou os dois jogos com o Sinop e perdeu a vaga na semifinal do estadual nas cobranças de pênaltis.
– Não adianta lamentar. Já passou. Temos um bom time e queremos estrear bem na competição. É um torneio que nos dá chance de ficar mais conhecidos e trabalhamos forte para conquistar um bom resultado – disse o treinador Douglas Brito.

Para o confronto, ele conta com três novidades. O volante Léo, volta ao time após cumprir suspensão na eliminação para o Sinop. Já o volante Wesly e o lateral-esquerdo Alberto, foram contratados nesta semana. Ambos estavam no União de Rondonópolis, rival do Leão.

O provável time deve ser formado por Maringá; Dione, Derson, Junior Goiano e Sandrinho; Léo, Valtinho, Ronieli e Calado; Buiu e Nenezinho.

Leia também:  Pesso chega e começa a montar o União

CRB quer vida nova

O CRB viajou ao Mato Grosso com o objetivo de esquecer os últimos resultados obtidos na temporada. Eliminado de forma traumática na Copa do Nordeste – venceu o jogo de ida por 2 a 0, mas perdeu por 4 a 0 em Natal e viu o América-RN passar de fase -, o Galo jogou no último final de semana e empatou por 1 a 1 com o Coruripe, pelo Campeonato Alagoano.

O ambiente regatiano não é dos melhores. O técnico Roberval Davino caiu após o Nordestão e dispensas podem acontecer a qualquer momento. Desse modo, uma vitória na estreia da Copa do Brasil acalmaria os ânimos no Regatas.

– No futebol, você tem que conhecer o adversário. Eles perderam nos pênaltis e estavam invictos no ano. É um time de muita qualidade. Do meio para a frente, tem jogadores rápidos e um meia tecnicamente muito bom, que tem uma bola parada muito boa. A gente tem que neutralizar esses pontos para que consiga fazer um grande jogo – comentou o técnico efetivado do CRB, Eduardo Souza, sobre o adversário desta quarta.

Leia também:  Torneio de tênis começa nesta quarta em Cuiabá

O meia Válber não treinou nos últimos dias, alegando estar resolvendo problemas particulares -, e não viajou com a delegação alvirrubra. O meia-atacante Geovani e o atacante Denilson seguem no departamento médico e não foram relacionados. Em transição entre o DM e a preparação física, o lateral-esquerdo João Victor também vai desfalcar a equipe.

Para o jogo contra o Rondonópolis, Eduardo Souza testou duas formações no CRB: uma no 4-5-1, com quatro volantes, e outra no 4-4-2. Assim, o Galo deve entrar em campo com: Júlio César; Diego Aragão, Marcus Vinícius, Gabriel e Gleidson; Bogé, Olívio, Johnnattan, Audálio (Maciel) e Léo; Tozin.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.