Secretário municipal de Habitação e Urbanismo, Ildo Rodrigues - Foto: Ronaldo Teixeira / AGORA MT
Secretário municipal de Habitação e Urbanismo, Ildo Rodrigues – Foto: Ronaldo Teixeira / AGORA MT

O secretário municipal de Habitação e Urbanismo, Ildo Rodrigues, realizou uma coletiva com a imprensa para esclarecer sobre os prazos e os processos da entrega das casas do Residencial Magnólia em Rondonópolis, na tarde desta quinta-feira (20).

O secretário afirma que foram pré-selecionados 650 nomes, 30% a mais do que o exigido pela Caixa Econômica Federal. O residencial conta com 500 moradias, onde as primeiras 250 unidades que eram para ser entregues em fevereiro deste ano, tiveram o prazo adiado e serão entregues no mês de abril deste ano. As outras 250 unidades estão previstas para serem entregues no mês de setembro.

O adiamento aconteceu devido a um atraso no término da obra ocasionada pelo tempo. O secretário afirma que os processos serão encaminhados nesta sexta-feira (21).

Leia também:  Sem saída | Cerca de 150 caminheiros bloqueiam entrada e saída de empresa de fertilizantes

RIBEIRINHOS

Ildo afirma que das 40 pessoas ribeirinhas notificadas pelo Ministério Público para deixarem as áreas de preservação permanentes (APPs), apenas duas realizaram o cadastro para serem contemplados com moradia no Residencial Magnólia.

O secretário explica que das 100 pessoas que foram notificadas pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente – SEMMA, antes mesmo de serem informados pelo Ministério Público, aproximadamente 20% foram reprovados no cadastro, a maioria por já terem passado pelo programa. “Estamos preocupados em atender a todos mais desde que sejam dentro dos critérios” diz Ildo.

 

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.