Em atendimento a uma ocorrência de violência doméstica, uma guarnição da Polícia Militar esteve na tarde desta segunda-feira (21), na residência da tia de M.B.A., 25 anos, onde acusou o esposo Elton Fernandes de Abreu, 25 anos, de agredi-la e mantê-la em cárcere privado.

Segundo M.B.A., no último dia 19 de abril o esposo a agrediu com vários socos e chutes que deixaram hematomas nos olhos, braços e pernas, além de um corte na cintura. Sendo um dos vários episódios vivido pela vítima que reside com Elton em Guiratinga.

Após a agressão M.B.A. relata que foi mantida em cárcere privado, que o esposo não a deixava sair de casa e quando o suspeito saia a deixava trancada. Contudo a vítima conseguiu fugir do local, com ajuda da prima, e se escondeu na casa da tia em Rondonópolis, no bairro Jardim Atlântico.

Leia também:  Rapaz se relaciona com esposa de detento e é baleado

Ao descobrir o paradeiro da esposa, Elton passou a rondar a casa e ameaçar M.B.A. de morte, inclusive no momento em que a guarnição colhia o depoimento da vítima. Ao perceber o carro da polícia o suspeito tentou fugir do local, sendo necessário o apoio de outras viaturas que o perseguiram até o bairro Parque São Jorge. Interceptado Elton foi encaminhado para a 1ª Delegacia de Polícia para os procedimentos cabíveis.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.