O município de Barra do Bugres completou 70 anos de emancipação político-administrativa no último sábado (19). A data foi comemorada com diversas atividades, entre elas um Ato Cívico no Ginásio de Esportes Arlindo Buck.

O prefeito Júlio Florindo, vice-prefeito João Bosco, vereadores, secretários municipais, diretores de escolas estaduais e municipais, pároco Osvaldo Scheffer, estudantes e familiares participaram da solenidade, que contou com apresentações em homenagem ao município.

Os hinos Nacional e de Barra do Bugres foram executados por alunos da Escolinha de Vilão do Projeto Social Doce Vida, da Associação Barralcool.

A fundação de Barra do Bugres está ligada aos ciclos econômicos do Estado de Mato Grosso do fim do século XIX e início do século XX com atividades atreladas ao extrativismo vegetal da poaia (ipecacuanha), da borracha e da madeira, produtos importantes para a expansão territorial. “Ainda temos muitos desafios pela frente, mas temos muitos motivos para comemorar esta data e tenho certeza que muitas conquistas ainda virão”, salientou o prefeito, Júlio Florindo, em seu discurso.

Leia também:  “É necessário ser pai do seu filho antes que o traficante o adote”, diz participante do Proerd

A secretária de Educação, Cultura e Esportes, Bernadete Gregolin, lembrou das pessoas que chegaram ao município, tiveram a oportunidade de se estabelecer, formar suas famílias e conseguiram transformar Barra do Bugres. Bernadete disse ainda que seu compromisso com a educação está nas melhorias da qualidade do ensino, na estrutura física e de ambiente de trabalho.

“É muito importante estarmos aqui para comemorar o aniversário de Barra do Bugres. Parabenizo a todos em especial a Escola Julá Paré”, disse a diretora da Escola Estadual Julá Paré (Aldeia Umutina), Edna Monzilar, que falou em nome dos diretores.

O vice-prefeito fez questão de ressaltar que nestes 70 anos de emancipação político-administrativa muitos foram os gestores que passaram pelo município e que cada um fez tudo que era possível para o melhor de Barra do Bugres.

Leia também:  141 municípios de MT receberam R$ 559 milhões do Fethab

Representando o poder Legislativo, o vice-presidente Hercílio Ghisleri, comentou que chegou em Barra do Bugres em 1979 e que neste período tem visto que todos deram sua parcela de contribuição para o desenvolvimento e crescimento do município.

Encerrados os discursos foi a vez das homenagens a aniversariante Barra do Bugres. A primeira apresentação foi realizada por alunos da Escola Julá Paré com a dança “Lorunó”; seguida da declamação da poesia “Relembrar” de Leolino Nogueira, com a aluna Larissa Paulino, da Escola Estadual 7 de Setembro (Distrito de Assari); encenação sobre os 15 mártires de Barra do Bugres com o Grupo Teatral Megamy, da Escola Estadual Júlio Müller; dança “Jerikinó”, Escola Julá Paré; poesia “Por traz da cortina do tempo”, de Jovino Ramos, com a aluna Gabrieli Lara, da Escola 7 de Setembro; apresentação da Fanfarra da Escola 7 de Setembro; e coreografia do Hino de Barra do Bugres com alunos do Centro Educacional Santa Cruz (Cesc).

Leia também:  Pró-Limão transforma vida de pequenos produtores rurais em Mato Grosso
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.