Corpo do jovem foi encontrado enterrado - Foto: José Antonio Araújo / AGORA MT
Corpo do jovem foi encontrado enterrado – Foto: José Antonio Araújo / AGORA MT

Geison Araujo Silva, 20 anos, estava desaparecido desde a noite de domingo (13), segundo o pai o rapaz teria saído de casa na companhia de um amigo e não voltou. Os familiares  iniciaram as buscas e o caso foi denunciado a Polícia.

Na tarde desta segunda-feira (14) uma denúncia anônima levou os Policiais Militares até uma residência na localizada na rua Nicolau no Parque Guinoato, em Primavera do Leste, onde foi realizada uma averiguação pela guarnição que acabou encontrando 47 papelotes de cocaína e duas porções de pasta base, uma pistola 380 e ainda uma quantia de R$ 500 em dinheiro, já Geison o jovem desaparecido não foi encontrado,  mas um homem identificado como Vitor da Silva Correa,23 anos que estava na casa foi preso em flagrante.

Leia também:  Homem é esfaqueado e morre tentando pedir ajuda de vizinhos; esposa é suspeita

Algum tempo depois, outra denúncia dava conta de que Geison teria sido visto na mesma casa na noite anterior, onde teria participado de uma festa particular entre amigos com direito a drogas e bebidas. Segundo as denúncias nos fundos da casa, havia um local onde a terra havia sido remexida e isso fez com que os peritos do Instituto Médico Legal e Policiais usassem uma enxada para cavar o local e acabaram encontrando o corpo do jovem.

A vítima estava desaparecida desde domingo - Foto: José Antonio Araújo / AGORA MT
A vítima estava desaparecida desde domingo – Foto: José Antonio Araújo / AGORA MT

Aos poucos o corpo foi retirado e analisado pelos peritos, haviam marcas de agressões na vítima, o mesmo teria sido humilhado e depois alvejado, os tiros acertaram no rosto próximo a boca e o outro na região da cabeça. Um aparelho de celular e entorpecentes também foram encontrados na roupa da vítima.

Leia também:  Mato Grosso está em 2° lugar com o maior número de mortes violentas

O crime chocou os moradores, Geison iria terminar o ensino médio ainda este ano e completaria seus 21 anos de idade no próximo dia 29 de maio.

O Delegado Marcelo Jardim acredita que outras pessoas podem ter participado do crime e que o caso agora  já começa a ser investigado.  O principal acusado pela morte de Geison Vitor da Silva Correa de 23 anos,  já está preso e deve ser ouvido nas próximas horas na Delegacia de HomicÍdios de Primavera do Leste.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.