Foto: reprodução/ Gshow
Foto: reprodução/ Gshow

Alice (Erika Januza) sempre quis saber quem é o seu pai, mas nunca encontrou uma resposta. Agora, ela está apenas a alguns segundos da verdade. Tudo acontece quando a jovem chega toda feliz para visitar a mãe na casa de repouso e fica sabendo que o tio Virgílio (Humberto Martins) também está por lá. Ao entrar para conversar com os dois, ela percebe que estão falando dela e fica ouvindo tudo atrás da porta. E como quem procura acha… O assunto é justamente sobre o terrível dia em que Alice foi gerada.

“Te peço que pense bem se você deve manter esse segredo a sete chaves, ao invés de se abrir, de alguma maneira, para a Alice”, pede Virgílio. No entanto, Neidinha (Elina de Souza) conta todo o sofrimento que é lembrar disso e teme a reação da filha. Ela também conta sobre a inocência daquela época: “Vocês me falam que eu devia ter ido à polícia e registrado o crime. Que eu devia ter denunciado, me expondo diante de todo o mundo, mas precisam entender que, há vinte anos, quando isso aconteceu, eu era uma garota simples, que nunca tinha saído do interior de Goiás e estava vindo ao Rio, a uma cidade grande, pela primeira vez”.

Leia também:  O Rico e Lázaro | Joana foge do sequestro e chora ao ver Asher

Alice continua atrás da porta atenta, até que Neidinha fala do que aconteceu: “Também sabia que podia abortar, a lei me permitia dar esse passo, mas eu pensei: ‘Que culpa tem essa criança para não merecer a vida? Que culpa ela tem de ser filha de um estupro?'”. Alice, finalmente, descobre sua verdadeira origem e fica em choque!
Qual será a reação dela com a mãe depois da descoberta? Não perca esta cena, que está prevista para ir ao ar a partir desta terça-feira, dia 15 de abril.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.