A Energisa é a nova empresa responsável pelo fornecimento de energia em Mato Grosso a partir de hoje (14). A empresa informou que na última sexta-feira (11) concluiu a compra do controle do Grupo e iniciará o pagamento aos credores nesta segunda-feira (14). A Energisa assume o controle de energia no estado, após um período de 20 meses de intervenção no Grupo Rede.

A Cemat estava devendo encargos setoriais, ou seja, taxas cobradas nas faturas, deveriam ser repassadas ao governo federal, e a empresa não o fazia.

Com a conclusão do negócio, a Energisa iniciou o processo de escolha de diretores para as distribuidoras do grupo, assumindo gestão dessas concessionárias que estavam sob intervenção da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) até meados dessa semana.

Leia também:  Trabalhadores da educação fazem paralisação por reajuste e reforma de unidades em Cuiabá

A Energisa informou que ‘não realizará oferta pública para aquisição de ações de acionistas minoritários face a desnecessidade em razão do valor imaterial pago em contrapartida à aquisição de ações representativas do controle direto e indireto das sociedades do Grupo Rede”. A empresa adquiriu o controle do Grupo Rede de Energia pelo valor simbólico de R$ 1.

A Aneel havia aprovado na última terça-feira (8) o fim da intervenção nas distribuidoras do grupo.

Com a formalização da transferência ocorrida nessa sexta-feira, as distribuidoras Enersul (MS), Companhia Força e Luz do Oeste (PR), Caiuá (SP), Bragantina (SP), Vale Paranapanema (SP), Nacional (SP), Cemat (MT) e Celtins (TO) passam totalmente a ser geridas pela Energisa.

Leia também:  Exportação de carne bovina aumenta e MT atinge novo recorde

Com a aquisição do Grupo Rede, a Energisa passa a atender 6 milhões de clientes em 788 municípios de nove Estados, em todas as regiões do país. A empresa fará um aporte de R$ 1,2 bilhão nas distribuidoras adquiridas. Em Mato Grosso, a Energisa vai fornecer energia para um milhão de residências

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.